Recém inaugurado VIVA-A-RTE oferece oficinais de rádio, fotografia e ballet no Zizo

viva_a_arte_itabuna.jpg

O prefeito de Itabuna, Claudevane Leite, inaugurou no bairro do Zizo nesta sexta-feira o primeiro núcleo do programa Viv-A-rte e anunciou a ampliação do número de beneficiados para cinco mil, com a contratação de mais 46 educadores sociais. Lançado no final do ano passado, o programa da Prefeitura, por meio da Fundação Marimbeta, com o apoio das secretarias de Esporte e Recreação e da Saúde, atende atualmente 3.750 crianças e adolescentes com atividades esportivas e culturais.

Durante a cerimônia de inauguração do núcleo Irmã Adelaide, o prefeito Vane afirmou que os investimentos nas áreas sociais, culturais e em atividades esportivas são as melhores armas para combater a violência urbana e confirmou que outros bairros também serão contemplados com núcleos similares ao implantado no Zizo. “A meta é beneficiar 10 mil crianças e adolescentes, principalmente os de famílias mais carentes”, afirmou Vane.

O presidente da Fundação Marimbeta, José Teles da Silva Junior, que é responsável pela coordenação do Viva-A-rte, destacou que o programa facilita o acesso das crianças e jovens aos serviços médicos na rede pública de saúde, além de atividades culturais e esportivas. O núcleo do Zizo conta com enfermeiros e psicólogos, além dos educadores sociais.

No núcleo são oferecidas atividades como oficinas de música, rádio, fotografia, maquiagem, além de aulas de capoeira, ballet e tênis de mesa. Além do Zizo, são atendidos crianças e adolescentes dos bairros Maria Pinheiro, Pedro Jerônimo e Daniel Gomes. Os beneficiados participam das atividades no turno ao oposto ao que estudam na escola regular, de segunda a quinta-feira.

Beneficiados

Entre as beneficiadas com o programa estão as estudantes Yasmin Rodrigues Alves, 13 anos, e Samilly Santos Reis, 12, que frequentam as aulas no Colégio General Osório no turno matutino e à tarde participam do projeto. “Antes de participar do projeto ficava a tarde inteira em casa sem fazer nada de interessante. Agora participo das oficinais de rádio, fotografia e ballet”, conta Samilly.

Já a estudante Yasmin Rodrigues observa que o projeto também é uma chance de aumentar no futuro a renda da família. “Estou me dedicando as aulas de maquiagem e fotografia. Quem sabe não possa ser uma profissional em uma dessas duas áreas?” questiona a estudante. Os contemplados com as atividades do Viv-A-rte também participam do projeto Bom de Bola, Melhor na Escola, que é desenvolvido na Vila Olímpica de Itabuna pela Secretaria de Esportes e Recreação.

Também participaram da cerimônia de inauguração do Núcleo Irmã Adelaide do Programa Viv-A-rte os secretários Evans Maxwel Silva, de Esportes e Recreação; Wenceslau Júnior, do Planejamento e Tecnologia; a diretora do Viva-À-Arte, Deise Batista, o vereador Jairo Araújo, pais e crianças beneficiadas.

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *