Rastreamento do câncer de mama chega à região de Itabuna

Resultado de imagem para Rastreamento-do-cancer-de-mama

O programa itinerante Saúde sem Fronteiras Rastreamento do Câncer de Mama, da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), está chegando nesta segunda-feira (11), à região de Itabuna para atender à população feminina de 22 municípios. Inicialmente, as mulheres de 50 a 69 anos dos municípios de Ubatã, Itabuna, Buerarema e Barro Preto poderão realizar mamografia, exame que detecta precocemente casos de câncer de mama. A faixa etária de 50 a 69 anos é determinada pelo Ministério da Saúde, por ser a mais propensa ao aparecimento da doença.
No total, a Sesab pretende atender 5.609 mulheres nesta ação. Para ser atendida, a mulher deve levar um documento de identidade, o Cartão do SUS e um comprovante de endereço. O atendimento começa às 7h e encerra às 18h.

Em Ubatã, a unidade móvel, equipada com modernos aparelhos de mamografia, ficará estacionada na Praça do Fórum, no período de 11 a 26 de junho. Em Itabuna, a equipe, com a unidade móvel, ficará no Centro de Cultura Adonias Filho, na Praça José Almeida Alcântara, de 11 a 29 de junho. Em Buerarema, a Praça Domingos Cabral será o local de estacionamento da unidade móvel e, ali ficará de 11 a 21 de junho. Já em Barro Preto, de 11 a 13 de junho, a unidade móvel estará estacionada na Praça Antônio Osório Batista, no centro da cidade.
Integralidade no atendimento
A diretora de Programas Estratégicos da Sesab (Dipro), Jucélia Nascimento, fala da importância das mulheres realizarem esse exame. “Sabemos que o câncer de mama, para que seja detectado precocemente, é preciso que a mulher realize a mamografia e, com isso, se positivo for o resultado, ela poderá ter todo o tratamento necessário para a sua recuperação”, explicou.
O Saúde sem Fronteiras é um programa da Sesab que tem como diferencial o acompanhamento das mulheres com mamografias inconclusivas, com a oferta de exames complementares para o diagnóstico e o encaminhamento ao tratamento, visando à integralidade do atendimento.

Para as mulheres com diagnóstico positivo, o tratamento cirúrgico, quimioterápico ou radioterápico será realizado em unidades de alta complexidade em oncologia. Este programa é uma ferramenta de acesso da mulher às ações de prevenção, diagnóstico e tratamento do câncer de mama.

Fonte: Ascom/Secretaria da Saúde do Estado (Sesab)

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *