Prefeitura pode decretar emergência e toma medidas para atender desabrigados

chuva itabuna2.jpg

Para socorrer as famílias desabrigadas e amenizar os danos causados pelas 72 horas de chuva o prefeito de Itabuna, Claudevane Leite, pode decretar Estado de Emergência no Município. Todas as secretarias municipais foram mobilizadas para fornecer suporte a Defesa Civil. Guardas municipais, agentes de trânsito, assistentes sociais e operários da Sedur reforçam o trabalho de campo que conta com o apoio da Emasa, Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur), Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e veículos cedidos pela Ceplac.

As famílias desabrigadas serão acolhidas no Estádio Luis Viana Filho e no Parque de Exposições Antônio Setenta, onde serão montados dois postos de saúde com equipe médica, agentes comunitários e equipe para vacinação. A Secretaria da Saúde mantém as quatro ambulâncias do município de plantão para transportar pacientes ou pessoas feridas de qualquer área da cidade.

Já a Secretaria da Assistência Social vai fornecer alimentação, água potável, lençóis e colchões para as famílias desabrigadas nos locais para onde foram transferidas. A Coordenação Municipal de Defesa Civil montou posto de emergência na Câmara de Vereadores com os números 8848-3488, 8849-0122 e 8854-7036 (que aceita ligações a cobrar) para atender solicitações da população

Na central de emergência a comunidade pode cooperar com a entrega de doações em alimentos, roupas, lençóis, cobertores, colchões, material de limpeza e higiene pessoal que serão fornecidos aos desabrigados. Em casa de emergência, o SAMU-192 também pode ser acionado pelo número provisório 8869-7877, já que o número da emergência 192 será transferido para a nova base e ficará, momentaneamente, inativo.

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *