Operação tapa-buracos consome 600 toneladas de asfalto por mês em Itabuna

tapa buracos.jpg

A grande quantidade de buracos existente nas ruas de Itabuna, um problema antigo que gera transtornos para motoristas, exige uma permanente ação da Prefeitura, que destina em média 600 toneladas de asfalto por mês, considerando os três últimos meses. Por determinação expressa do prefeito Claudevane Leite, o serviço não para e homens e máquinas da Prefeitura trabalham diariamente, sempre que as condições climáticas permitem, para recuperar e melhorar as vias da cidade.

Desde a última sexta-feira, por exemplo, uma equipe de 26 operários realiza a operação tapa buracos na Avenida Pedro Jorge, no bairro Pedro Jerônimo. A avenida tem mais de três quilômetros de extensão e por ser o principal corredor de ônibus estava tomada de buracos. O serviço será concluído na próxima semana.

O encarregado da Operação Tapa Buracos da Sedur, Saimon Danler informou que o mesmo tipo de trabalho já foi realizado em ruas dos bairros Santo Antônio e Ferradas, ruas e avenidas no centro da cidade e em toda a extensão da Avenida Ilhéus até a Praça Piedade, no bairro Califórnia. Na próxima semana será feito um mutirão nas ruas e transversais ainda no Califórnia, onde operários da Prefeitura já estão fazendo serviços de terraplanagem nas ruas não asfaltadas. Depois da conclusão do tapa-buracos no Califórnia os operários iniciam o trabalho nas ruas do interior do Centro Comercial e nas áreas próximas ao terminal rodoviário.

A cidade é grande, e as avenidas e ruas que são asfaltadas, em sua maioria têm tráfego de carros pesados e intensos e o desgaste é natural, segundo a Sedur. Além disso, segundo a secretaria, a ação do tempo também contribui para transformar um pequeno buraco em uma cratera, se não houver intervenção e manutenção permanente.

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *