Itabuna selecionada para receber Centro de Iniciação ao Esporte

centro de iniciação ao esporte.jpg

Itabuna está entre os municípios brasileiros selecionados pelo Ministério do Esporte para receber uma unidade do Centro de Iniciação ao Esporte (CIE), modelo III, que será construído com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC-2), em área de sete mil metros quadrados no bairro Fonseca, onde há uma grande população de crianças e jovens. O anúncio da inclusão do município foi feito pelo ministro Aldo Rebelo na tarde desta terça-feira, em Brasília, e foi acompanhado pelo prefeito Claudevane Leite e pelo secretário de Planejamento e Tecnologia, Wenceslau Júnior.

O prefeito Vane destacou que este será o segundo grande equipamento público destinado ao esporte e ao lazer que Itabuna ganha. “São equipamentos como este que vão ajudar no combate à violência no nosso município contribuindo com o programa Cidade de Paz. Estamos criando uma estrutura para que as nossas crianças e jovens em área de vulnerabilidade ocupem parte de seu tempo com atividades esportivas e culturais”, disse Vane.

O outro equipamento ao qual o prefeito se refere é o Centro de Arte e Esportes Unificados (CEU), que está sendo construído no bairro Urbis IV pela Prefeitura em convênio com o Ministério das Cidades. O CEU contará com equipamentos sócio-assistenciais, biblioteca, telecentro, pista de skate e quadra poliesportiva, biblioteca, telecentro, cine-auditório/cine-teatro com capacidade para 60 pessoas, salas de aula, reuniões e oficinas, paisagismo, além de serviços do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).

Estrutura

Já a obra do Centro de Iniciação ao Esporte será iniciada no próximo ano e contará com espaços esportivos para a prática de boxe, esgrima, ginástica rítmica, handebol, judô, levantamento de peso, taekwondo, tênis de mesa, voleibol e basquetebol.

Para a construção do CIE, o Ministério do Esporte destinará R$ 3,5 milhões enquanto a prefeitura será responsável pela destinação de uma área de no mínimo 2,5 mil metros quadrados. O ginásio esportivo contará com arquibancada para 195 pessoas, sala de professores/técnicos, vestiários, chuveiros, enfermaria, copa, depósito, academia e conjuntos sanitários para o público.

Segundo o Ministério do Esporte, o CIE é um dos maiores projetos de legado dos Jogos Olímpicos e dos Jogos Paraolímpicos de 2016, que serão realizados no Rio de Janeiro e beneficiarão todo o Brasil. Com ginásios poliesportivos e outras estruturas que podem receber até 13 modalidades olímpicas, seis paraolímpicas e uma não-olímpica, o CIE é parte do objetivo de disseminar a prática do esporte em todo o país, oferecendo espaço para o desenvolvimento da base do esporte de alto rendimento.

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *