Itabuna: Bairros são assistidos por mutirões

A Secretaria de Saúde de Itabuna está intensificando as atividades nas Unidades de Saúde dos distritos e localidades distantes do Centro da cidade com uma equipe multidisciplinar integrada por médico, odontólogo, enfermeiro, técnico de enfermagem e auxiliar administrativo. São mutirões programados para atender a uma quantidade maior de pessoas de diversos bairros. A próxima localidade a receber o mutirão, programado para acontecer no fim do mês de setembro, será o projeto agrícola Roça do Povo, nas proximidades de Nova Ferradas.

A atividade mais recente dentro do programa de mutirões da Saúde ocorreu quinta-feira passada, dia 15, na Vila de Itamaracá, onde a caravana realizou consultas, exames, imunização e orientações para saúde da comunidade. As crianças tiveram acesso à vacinação, promoção da saúde bucal com orientações e entrega de kits para higiene, avaliação nutricional, além de educação em saúde para alimentação saudável e hábitos de higiene diária. As mulheres fizeram citologia, exame clínico de mama, teste de HIV e sífilis e receberam vacinas contra hepatite B, tétano, febre amarela e rubéola.

Os homens puderam investigar a hipertensão arterial, diabetes com glicemia capilar e prevenção de doenças sexualmente transmissíveis (DSTs). Todos os públicos fizeram detecção de doenças bucais e os beneficiários do Bolsa Família passaram por avaliação nutricional orientada pelos profissionais da Secretaria da Saúde.

A diretora de Atenção Básica da Secretaria da Saúde, Luciana Pinheiro, esclareceu que o mutirão teve como objetivo oferecer acesso aos diferentes serviços de saúde para Itamaracá e comunidades, especialmente aquelas mais distantes. “Também visou fortalecer o vínculo cooperativo e intersetorial com as diferentes secretarias e a comunidade, despertando auto-cuidado como forma de promover a saúde e prevenir as doenças” explicou.

O mutirão aconteceu em parceria com a Secretaria da Educação, por intermédio da Escola Marieta de Carvalho, situada no distrito, o Centro de Referência em DST/AIDS, estudantes do curso de Biomedicina da Universidade Estadual de Santa Cruz – Uesc e igreja Adventista do 7º Dia.

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *