Espetáculo “A Paixão de Cristo” é sucesso de público em Itabuna

Mais de 5 mil pessoas se emocionaram ao assistir o espetáculo teatral “A Paixão de Cristo”, na última sexta-feira (14), no estádio Luiz Viana Filho, em Itabuna. A encenação que revive a vida e morte de Jesus Cristo, contou com a participação de cem atores, além de equipes de iluminação, sonorização, áudio e profissionais de efeitos especiais. Em duas horas e meia de espetáculo, o público pode conferir os últimos momentos antes da crucificação, e os primeiros após a ressurreição, representada com os próprios personagens bíblicos.

Há seis anos na direção geral da peça, Marquinhos Nô, informou que a edição deste ano superou as expectativas. Ele ressaltou que a grande diferença da peça é a renovação. “A história é a mesma, mas a forma como ela é colocada faz o diferencial. A minha preocupação é sempre inovar, não saindo do roteiro. Este ano, por exemplo, a ceia teve a participação da discípula Madalena.”

O prefeito Fernando Gomes, que esteve presente com a família e assessores, elogiou o espetáculo. Ele pontuou que “A Paixão de Cristo” é um evento de grande porte, e por isso, é imprescindível que alcance a população de outros municípios. “A peça é uma maneira das pessoas entenderem a história de Jesus. Também é a oportunidade de mostrarmos os talentos da nossa região. No próximo ano voltaremos para prestigiar e aplaudir de pé essa iniciativa da FICC”, frisou.

Coordenador geral do evento, o diretor de Turismo, Ari Rodrigues, disse que o espetáculo não houve falhas e que se consagrou como um megaevento. “Quando recebi a incumbência do prefeito Fernando Gomes, juntamente com o presidente da FICC, Daniel Leão, para ser o diretor de Turismo, já sabia que teria de montar “A Paixão de Cristo”, pois é um dos principais eventos promovidos pela Fundação. Essa responsabilidade me fez entrar de cabeça no projeto. Tenho dezoito anos como produtor cultural, e nunca tinha visto um espetáculo religioso tão lindo”, salientou.

O espetáculo deste ano foi uma homenagem ao saudoso Ramon Vane, que durante anos dedicou-se ao projeto “A Paixão de Cristo”. Ramon era ator, poeta e advogado e faleceu em janeiro deste ano, vítima de um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

Elenco

Entre os atores do elenco estavam profissionais de Itabuna, Itapetinga, Camacã, Itapé, Buerarema, Itajuípe e do estado do Espírito Santo. A cenografia ficou sob a responsabilidade de Diovane Tavares; direção geral e figurino, Marcos Nô; produção executiva, Eva Lima; assistência de direção, Marcelo Lobo e texto de Équio Reis (ator e diretor importante na história do teatro de Itabuna e região, já falecido). Os atores Alex Frances e Larissa Profeta interpretaram os papeis principais, os personagens de Jesus e Maria.

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *